Termos de Uso

TERMO DE USO DE DADOS – CONSENTIMENTO PARA TRATAMENTO DE DADOS DE COLABORADORES

Este documento visa registrar a manifestação livre, expressa e inequívoca pela qual o Titular concorda com o tratamento de seus Dados Pessoais para finalidades especificadas, em conformidade com a Lei nº 13.709 – Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

Ao manifestar sua aceitação para com o presente termo, o Titular consente e concorda que a Gund, Wiebelling e Dalmolin Advogados Associados, com sede na Rua Juscelino Kubischeck, 79, Centro, Cascavel/PR, telefone 45-3321-8700, e-mail: atendimento@gwdadvogados.com.br, doravante denominada CONTROLADORA, tome decisões referentes ao tratamento de seus dados pessoais, necessários ao usufruto de serviços oferecidos pela GWD Advogados Associados, bem como realize o tratamento de tais dados, envolvendo operações como as que se referem a coleta, produção, recepção, classificação, utilização, acesso, reprodução, transmissão, distribuição, processamento, armazenamento, arquivamento, eliminação, avaliação ou controle da informação, modificação, comunicação, transferência, difusão ou extração.

Dados pessoais

A CONTROLADORA fica autorizada a tomar decisões referentes ao tratamento e a realizar o tratamento dos seguintes Dados Pessoais do Titular:

  • Nome completo;
  • Data de nascimento;
  • Número de Carteira de Identidade – RG;
  • Número de Cadastro de Pessoa Física – CPF;
  • Currículo Vitae;
  • Estado civil;
  • Nível de instrução ou escolaridade;
  • Endereço completo;
  • Número de telefone/WhatsApp e endereço de e-mail;
  • Experiência profissional;
  • Vínculo de Trabalho desejado;
  • Nome de usuários e senha específicos para uso dos serviços restritos;
  • Comunicação verbal e escrita mantida entre o Titular e o CONTROLADOR;
  • Endereço IP, Data e Hora de acesso ao site e sistema da empresa.

Caso a CONTROLADORA tenha acesso a dados sensíveis como: sexualidade, raça, religião, entre outros, os mesmos serão utilizados única e exclusivamente para interesse específico relacionado a preferência de consumo e jamais com propósito de discriminação.

Finalidade de tratamento de dados

O Tratamento dos Dados Pessoais listados neste termo tem as seguintes finalidades:

  • Possibilitar que a CONTROLADORA identifique e entre em contato com o Titular para fins de relacionamento comercial;
  • Possibilitar que a CONTROLADORA envie remessa de pagamento de salário ao Titular, de forma digital ou física;
  • Possibilitar que a CONTROLADORA utilize tais dados em Pesquisa de Mercado;
  • Possibilitar que a CONTROLADORA utilize tais dados na elaboração de relatórios internos de desempenho e feedback de avaliações;
  • Possibilitar que a CONTROLADORA utilize tais dados, para análise de perfil e inscrições em curso/palestras e treinamentos de caráter profissional;
  • Possibilitar que a CONTROLADORA utilize tais dados para solicitação de exames de saúde do Colaborador.


Compartilhamento de dados

A CONTROLADORA fica autorizada a compartilhar os dados pessoais do Titular com outros agentes de tratamento de dados, caso seja necessário para as finalidades listadas neste termo, observados os princípios e garantias estabelecidas na Lei nº 13.709/18.

Término do tratamento de dados

A CONTROLADORA poderá manter e tratar os dados pessoais do Titular durante todo o período em que os mesmos forem pertinentes ao alcance das finalidades listadas neste termo. Dados Pessoais anonimizados, sem possibilidade de associação ao indivíduo, poderão ser mantidos por período indefinido.

Direito do titular

O Titular tem direito a obter da CONTROLADORA, em relação aos dados por ele tratados, a qualquer momento e mediante requisição:

  • Confirmação da existência de tratamento;
  • Acesso aos Dados;
  • Correção de dados incompletos, inexatos ou desatualizados;
  • Anonimização, bloqueio ou eliminação de dados desnecessários, excessivos ou tratados em desconformidade com o disposto na Lei nº 13709;
  • Portabilidade dos dados a outro fornecedor de serviços ou produtos, mediante requisição expressa, de acordo com a regulamentação da autoridade nacional, observados os segredos comercial e industrial;
  • Eliminação dos Dados Pessoais tratados, exceto nas hipóteses previstas no artigo 16 da Lei 13.709;
  • Revogação do consentimento, nos termos do artigo 8º, parágrafo 5º da Lei 13709.

Direito de revogação do consentimento

Este consentimento poderá ser revogado pelo Titular, a qualquer momento, mediante solicitação via e-mail a CONTROLADORA.

TERMO DE USO DE DADOS – CONSENTIMENTO PARA TRATAMENTO DE DADOS DE FORNECEDORES

Este documento visa registrar a manifestação livre, expressa e inequívoca pela qual o Titular concorda com o tratamento de seus Dados Pessoais para finalidade específica, em conformidade com a Lei nº 13.709 – Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

Ao manifestar sua aceitação para com o presente termo, o Titular consente e concorda que a Gund, Wiebelling e Dalmolin Advogados Associados, com sede na Rua Juscelino Kubischeck, 79, Centro, Cascavel/PR, telefone 45-3321-8700, e-mail: atendimento@gwdadvogados.com.br, doravante denominada CONTROLADORA, tome decisões referentes ao tratamento de seus Dados Pessoais, dados referentes as empresas em que atuem os usuários, como representantes legais, ou dados necessários ao usufruto de serviços oferecidos pela GWD Advogados Associados, bem como realize o tratamento de tais dados, envolvendo operações como as que se referem a recepção, coleta, classificação, produção, utilização, acesso, reprodução, transmissão, distribuição, processamento, avaliação ou controle da informação, armazenamento, modificação, comunicação, transferência arquivamento, eliminação, difusão ou extração.

Dados pessoais

A CONTROLADORA fica autorizada a tomar decisões referentes ao tratamento e a realizar o tratamento dos seguintes Dados Pessoais do Titular:

  • Nome completo;
  • Data de nascimento;
  • Número de Cadastro de Pessoa Física – CPF;
  • Estado civil;
  • Endereço completo;
  • Número de telefone, WhatsApp e endereço de e-mail;
  • Comunicação verbal e escrita mantida entre o Titular e o CONTROLADOR;

Finalidade de tratamento de dados

O Tratamento dos Dados Pessoais listados neste termo tem as seguintes finalidades:

  • Possibilitar que o TITULAR preste o serviço contratado pela CONTROLADORA;
  • Possibilitar que CONTROLADORA/TITULAR identifiquem-se e entrem em contato mutuamente para fins de relacionamento comercial;
  • Possibilitar que a CONTROLADORA elabore contratos comerciais e receba cobranças emitidas pelo Titular;
  • Possibilitar que o TITULAR envie ou forneça a CONTROLADORA seus produtos e serviços de forma remunerada ou gratuita;
  • Possibilitar que a CONTROLADORA utilize tais dados em Pesquisa de Mercado;
  • Possibilitar que a CONTROLADORA utilize tais dados na elaboração de relatórios e notificações sobre produtos e serviços;
  • Possibilitar que a CONTROLADORA utilize tais dados para questões e documentos financeiros correlatos;

Compartilhamento de dados

A CONTROLADORA fica autorizada a compartilhar os dados pessoais do Titular com outros agentes de tratamento de dados, caso seja necessário para as finalidades listadas neste termo, observados os princípios e garantias estabelecidas na Lei nº 13.709/18.

Segurança de dados

A CONTROLADORA responsabiliza-se pela manutenção de medidas de segurança, técnicas e administrativas aptas a proteger os dados pessoais de acessos não autorizados e de situações acidentais ou ilícitas de destruição, perda, alteração, comunicação ou qualquer forma de tratamento inadequado ou ilícito.

Em conformidade com o artigo 48 da Lei 13709, a CONTROLADORA comunicará ao Titular e à Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANDP) a ocorrência de incidente de segurança que possa acarretar risco ou dano relevante ao Titular.

Termino do tratamento de dados

A CONTROLADORA poderá manter e tratar os dados pessoais do Titular durante todo o período em que os mesmos forem pertinentes ao alcance das finalidades listadas neste termo. Dados Pessoais anonimizados, sem possibilidade de associação ao indivíduo, poderão ser mantidos por período indefinido.

Direito do titular

O Titular tem direito a obter da CONTROLADORA, em relação aos dados por ela tratados, a qualquer momento e mediante requisição:

  • Confirmação da existência de tratamento;
  • Acesso aos Dados;
  • Correção de dados incompletos, inexatos ou desatualizados;
  • Anonimização, bloqueio ou eliminação de dados desnecessários, excessivos ou tratados em desconformidade com o disposto na Lei nº 13709;
  • Portabilidade dos dados a outro fornecedor de serviços ou produtos, mediante requisição expressa, de acordo com a regulamentação da autoridade nacional, observados os segredos comercial e industrial;
  • Eliminação dos Dados Pessoais tratados com o consentimento do titular, exceto nas hipóteses previstas no artigo 16 da Lei 13.709;
  • Revogação do consentimento, nos termos do artigo 8º, parágrafo 5º da Lei 13709.

Direito de revogação do consentimento

Este consentimento poderá ser revogado pelo Titular, a qualquer momento, mediante solicitação via e-mail ou correspondência à CONTROLADORA.

O Titular fica ciente de que poderá ser inviável à CONTROLADORA continuar o fornecimento de produtos ou serviços ao Titular a partir da eliminação dos Dados Pessoais.

TERMO DE USO DE DADOS – CONSENTIMENTO PARA TRATAMENTO DE DADOS NAS DENÚNCIAS

Este Termo visa registrar a manifestação livre, expressa e inequívoca pela qual o Titular concorda com o tratamento de seus Dados Pessoais para finalidade específica, em conformidade com a Lei nº 13.709 – Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

Ao manifestar sua aceitação para com o presente termo, o Titular consente e concorda que a Gund, Wiebelling e Dalmolin Advogados Associados, com sede na Rua Juscelino Kubischeck, 79, Centro, Cascavel/PR, telefone 45-3321-8700, e-mail: atendimento@gwdadvogados.com.br, doravante denominada CONTROLADORA, tome decisões referentes ao tratamento de seus Dados Pessoais, necessários para o processamento da denúncia.

A CONTROLADORA fica autorizada a tomar decisões referentes ao tratamento e a realizar o tratamento dos seguintes Dados Pessoais do Titular:

  • Nome completo;
  • Número de telefone, WhatsApp e endereço de e-mail;
  • Comunicação escrita mantida entre o Titular e o CONTROLADOR;

Caso a CONTROLADORA tenha acesso a dados sensíveis como: sexualidade, raça, religião, entre outros, os mesmos serão utilizados única e exclusivamente para interesse específico relacionado a preferência ao consumo de produtos e/ou serviços, e jamais com propósito de discriminação.

O Tratamento dos Dados Pessoais listados neste termo por finalidade possibilitar que a CONTROLADORA investigue denúncia feita pelo Titular e dentro do devido prazo tome providências e se for do interesse do Titular lhe informe sobre o desfecho do caso.

A CONTROLADORA poderá manter e tratar os dados pessoais do Titular durante todo o período em que os mesmos forem pertinentes ao alcance da finalidade listada neste termo. Dados Pessoais anonimizados, sem possibilidade de associação ao indivíduo, poderão ser mantidos por período indefinido.

Este consentimento poderá ser revogado pelo Titular, a qualquer momento, mediante solicitação via e-mail ou correspondência à CONTROLADORA.

TERMO DE USO DE DADOS – CONSENTIMENTO PARA TRATAMENTO DE DADOS DE CLIENTES

Este documento visa registrar a manifestação livre, expressa e inequívoca pela qual o Titular concorda com o tratamento de seus Dados Pessoais para finalidade específica, em conformidade com a Lei nº 13.709 – Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

Ao manifestar sua aceitação para com o presente termo, o Titular consente e concorda que a Gund, Wiebelling e Dalmolin Advogados Associados, inscrita no CNPJ nº 05.146.167/0006-93, com sede na Rua Juscelino Kubischeck, 79, Centro, Cascavel/PR, telefone 45-3321-8700, e-mail: atendimento@gwdadvogados.com.br, doravante denominada CONTROLADORA, tome decisões referentes ao tratamento de seus Dados Pessoais, dados necessários ao usufruto de serviços oferecidos pela GWD Advogados Associados, bem como realize o tratamento de tais dados, envolvendo operações como as que se referem a recepção, coleta, classificação, produção, utilização, acesso, reprodução, transmissão, distribuição, processamento, avaliação ou controle da informação, armazenamento, modificação, comunicação, transferência arquivamento, eliminação, difusão ou extração.

Dados pessoais

A CONTROLADORA fica autorizada a tomar decisões referentes ao tratamento e a realizar o tratamento dos seguintes Dados Pessoais do Titular:

  • Nome completo;
  • Data de nascimento;
  • Número de Carteira de Identidade – RG;
  • Número de Cadastro de Pessoa Física – CPF;
  • Estado civil;
  • Endereço completo;
  • Número de telefone, WhatsApp e endereço de e-mail;
  • Profissão;
  • Comunicação verbal e escrita mantida entre o Titular e o CONTROLADOR;

Caso a CONTROLADORA tenha acesso a dados sensíveis como: sexualidade, raça, religião, entre outros, os mesmos serão utilizados única e exclusivamente para interesse específico relacionado a preferência ao consumo de produtos e/ou serviços, e jamais com propósito de discriminação.

Finalidade de tratamento de dados

O Tratamento dos Dados Pessoais listados neste termo tem as seguintes finalidades:

  • Possibilitar que a CONTROLADORA preste o serviço contratado pelo Titular;
  • Possibilitar que a CONTROLADORA identifique e entre em contato com o Titular para fins de relacionamento comercial;
  • Possibilitar que a CONTROLADORA elabore contratos comerciais e emita cobranças contra o Titular;
  • Possibilitar que a CONTROLADORA envie ou forneça ao Titular seus produtos e serviços de forma remunerada ou gratuita;
  • Possibilitar que a CONTROLADORA utilize tais dados em Pesquisa de Mercado;
  • Possibilitar que a CONTROLADORA utilize tais dados na elaboração de relatórios e emissão de produtos e serviços;
  • Possibilitar que a CONTROLADORA utilize tais dados para emissão de Notas Fiscais e documentos financeiros correlatos;
  • Possibilitar que a CONTROLADORA utilize tais dados para facilitar a prestação de serviços diversos além dos primariamente contratados, desde que o cliente também demonstre interesse em contratar novos serviços;
  • Possibilitar que a CONTROLADORA utilize tais dados para envio de informativos e newsletter.
  • Possibilitar que a CONTROLADORA utilize tais dados para pesquisas de satisfação/feedback.
  • Possibilitar que a CONTROLADORA mantenha em arquivo seus dados, após o encerramento dos processos para fins de métricas internas.

Compartilhamento de dados

A CONTROLADORA fica autorizada a compartilhar os dados pessoais do Titular com outros agentes de tratamento de dados, caso seja necessário para as finalidades listadas neste termo, observados os princípios e garantias estabelecidas na Lei nº 13.709/18.

Segurança de dados

A CONTROLADORA responsabiliza-se pela manutenção de medidas de segurança, técnicas e administrativas aptas a proteger os dados pessoais de acessos não autorizados e de situações acidentais ou ilícitas de destruição, perda, alteração, comunicação ou qualquer forma de tratamento inadequado ou ilícito.

Em conformidade com o artigo 48 da Lei 13709, a CONTROLADORA comunicará ao Titular e à Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANDP) a ocorrência de incidente de segurança que possa acarretar risco ou dano relevante ao Titular.

Termino do tratamento de dados

A CONTROLADORA poderá manter e tratar os dados pessoais do Titular durante todo o período em que os mesmos forem pertinentes ao alcance das finalidades listadas neste termo. Dados Pessoais anonimizados, sem possibilidade de associação ao indivíduo, poderão ser mantidos por período indefinido.

Direito do titular

O Titular tem direito a obter da CONTROLADORA, em relação aos dados por ela tratados, a qualquer momento e mediante requisição:

  • Confirmação da existência de tratamento;
  • Acesso aos Dados;
  • Correção de dados incompletos, inexatos ou desatualizados;
  • Anonimização, bloqueio ou eliminação de dados desnecessários, excessivos ou tratados em desconformidade com o disposto na Lei nº 13709;
  • Portabilidade dos dados a outro fornecedor de serviços ou produtos, mediante requisição expressa, de acordo com a regulamentação da autoridade nacional, observados os segredos comercial e industrial;
  • Eliminação dos Dados Pessoais tratados com o consentimento do titular, exceto nas hipóteses previstas no artigo 16 da Lei 13.709;
  • Informação sobre a possibilidade de não fornecer consentimento e sobre as consequências da negativa;
  • Revogação do consentimento, nos termos do artigo 8º, parágrafo 5º da Lei 13709.

Direito de revogação do consentimento

Este consentimento poderá ser revogado pelo Titular, a qualquer momento, mediante solicitação via e-mail ou correspondência à CONTROLADORA.

O Titular fica ciente de que poderá ser inviável à CONTROLADORA continuar o fornecimento de produtos ou serviços ao Titular a partir da eliminação dos Dados Pessoais.

Assine nossa
newsletter

Recebe novidades e dicas jurídicas em primeira mão. Informe-nos seu e-mail.

    Precisa de
    alguma coisa?
    Fale conosco.

    Atendimento

    Cascavel: 45 3321 8700

    Curitiba: 41 3024 7024

    Geral: 45 3321 8700

    Escritório

    Cascavel – PR

    Rua Juscelino Kubitscheck, 79
    Centro – CEP 85805-040
    (45) 3321-8700

    duvidascvel@gwdadvogados.com.br

    Escritório

    Curitiba – PR

    Av. República Argentina, 210
    2º andar – Cjtos 203 a 208
    Água Verde – CEP 80240-210
    (41) 3024-7024

    duvidasctba@gwdadvogados.com.br

    A GWD utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.